Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O melhor está para vir!!!

(Memórias e Recordações, Apontamentos, Registos e Enganos...Cogitações e Tentações - A Felicidade mora aqui!)

O melhor está para vir!!!

(Memórias e Recordações, Apontamentos, Registos e Enganos...Cogitações e Tentações - A Felicidade mora aqui!)

31
Out15

Natal 2015 - Acto 3

Benedita

image.jpeg

 

image.jpeg

 

Está um lindo sábado de sol, a fazer crescer, de cara alegre, as couves do Natal.

Não é o legume dos meus amores, mas tem um lugar cativo, desde sempre, na nossa mesa de Natal.

Plantamos sempre muitas, que depois, no dia 23, distribuímos por todos os amigos e familiares que não têm horta, para que também eles possam ter na sua ceia natalícia uma couve portuguesa.

29
Out15

Arroz Doce

Benedita

Muitas sobremesas novas têm surgido desde que cozinhar passou a ser algo chique.

Todas com muito bom aspecto, combinações sofisticadas, mais ou menos elaboradas, sempre deveras apelativas.

Mas eu não sou de modas, gosto de experimentar as novidades, mas na hora da escolha, a tradição comanda o meu paladar.

Sempre gostei de comer e de cozinhar.

Por mais inovação que haja, as minhas sobremesas de eleição continuam a ser as de sempre, aquelas que correram gerações, que vi repetidamente a minha mãe e a minha avó fazerem, que me fazem, sempre, crescer água na boca...

O Arroz Doce é uma delas. Gosto dele se possível ainda morno, cremoso, sarapintado de canela e com ovos (para quem desconhece em algumas regiões de Portugal não leva ovos).

Uso a receita da minha avó paterna, a qual passo a partilhar;

 

Não tenho quantidades, "é a olho"!!!

Ferver água, com casca de limão, pau de canela e umas areias de sal, sendo este opcional.

Após a mistura ter fervido um pouco, junta-se o arroz, uso carolino Bom Sucesso.

Fica em ebolição até a água se ter praticamente evaporado. Convém que nessa altura o arroz já esteja quase, quase cozido.

Adiciona-se o leite a ferver e o açúcar desejado.

Ferve de novo até o arroz absorver parte do leite e obtermos a cremosidade pretendida.

Tirar do lume.

Bater as gemas com um pouco de leite, juntar ao arroz e misturar rapidamente com um batedor de claras manual.

Regressa ao lume para que as gemas cozam.

Verter no recipiente desejado e polvilhar ou não de canela.

Bom apetite!

image.jpeg

 

 

 

 

 

27
Out15

Acendalhas versus Rolos de Papel Higiénico

Benedita

Aqui fica uma óptima dica, digo óptima, porque já experimentei e dá resultado, para a substituição de acendalhas.

Gastava imensas acendalhas, pois assim que começa a arrefecer, acendo a lareira diáriamente, nem sempre tenho lenha miúda e o meu jeitinho deixa muito a desejar...

O ano passado disseram-me que os rolos de papel higiénico, os canudos que costumamos deitar fora, eram muito bons para atear o fogo na lareira, devido à quantidade de papel prensado existente em cada canudo, fiquei com algumas dúvidas, mas experimentei e realmente funciona na perfeição.

Os canudos dos rolos de papel de cozinha e dos fax servem igualmente.

Em termos ambientais não sei o que será melhor?

Económicamente o aproveitamento dos canudos é largamente compensador.

image.jpeg

 

26
Out15

Rafael Bordalo Pinheiro

Benedita

giríssimaRafael Bordalo Pinheiro foi um grande artista português, que nos deixou uma obra espantosa.

Em pequena, nem eu sonhava quem tinha sido o tal Senhor, já mirava, mexia, remexia e tornava a mirar encantada, verdadeiramente vidrada todas as peças que circulavam lá por casa e também pelas casas dos familiares.

Não sei porque sim, nem porque não, a dada altura deixei de ver as tais peças. 

Recordo-me que houve uma época em que tudo o que era nacional era fuleiro e pimba. Logo, toca a eliminar!

Ora a minha mãe, que sempre foi dada a modas, com toda a certeza que embarcou em mais uma onda do poderoso mundo das tendências.

Lamento imenso, porque hoje teria uma linda colecção Bordalo Pinheiro, de que tanto gosto e tenho apenas dois ou três maravilhosos exemplares.

Por isso achei imensa piada quando ontem fui à casa de banho do restaurante,onde estava a almoçar e me deparo com esta peça girissíma, que em tempos, certamente, foi uma sopeira e agora está reciclada em vaso.

Viva a reciclagem!

Viva a reinvenção!

E muitos vivas ao genial RAFAEL BORDALO PINHEIRO!!!

image.jpeg

 

 

 

23
Out15

Natal 2015 - Acto 2

Benedita

Se o disse, melhor o fiz!

Lá em Belém o senhor presidente Cavaco Silva tratava de ultimar (finalmente) o seu discurso, enquanto eu, conforme agendado, palmilhava ruas e praças, vielas e calçadas à procura de prendinhas de Natal, engraçadas, de utilidade e a bom preço.

Não foi fácil, entrei em diversas lojas, sondei, fui registando as melhores opções e ao fim de umas cinco horas, tinha tudo comprado.

 

Dei preferência ao artesanato português. Há coisas tão giras...

Parece muito tempo, mas eram cerca de 30 lembranças, o que dá uma média de 10 minutos por prenda. Fiquei satisfeita por ter esta tarefa natalícia quase concluída.

Digo quase, porque faltam os "perigosos", os cinco cá de casa.

Para este "núcleo duro", preciso de um pouco mais de tempo e inspiração, tento sempre ser original e surpreender o mais possível - a verdadeira surpresa no sapatinho na manhã de 25 de Dezembro!!!

image.jpeg

 

22
Out15

Lamento

Benedita

Passou mais um dia e o nosso presidente da república não nos deu "Cavaco", logo ontem que era suposto pronunciar-se...

Porque será que não o fez, precisamente ele que está recolhido, em pura reflexão, desde o dia 5 de Outubro?!

 

O  estômago encolhe e estica, como se fosse um acordeão.

 

Estou cansada, triste, vou fazer compras de Natal, mimar quem merece, retribuir afectos, pois não consigo mais compactuar com com uma justiça, que a troco de uns dinheiros, vai soltar Ricardo Salgado, que lesou tantas e tantas pessoas,

Com a falta de sinceridade política,

Com o nosso povo que encerra recém-nascidos em malas e atira para o aterro sanitário,

Com a violência entre casais, namorados, no seio familiar,

Com a nossa mais que precária saúde, à quinze anos que espero por um médico de família.

image.jpeg

 

Viver num país de faz de conta é um real lamento e já que assim é... VOU FAZER COMPRAS DE NATAL!!!

image.png

 

Pág. 1/4

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub